Anderson Teixeira reclama da falta de limpeza das ruas e praças de Imbituba

privatização das praças limpeza de ruas
Na sessão de hoje na câmara de vereadores, o vereador Anderson Teixeira (PSD) apresentou fotos de várias ruas e praças públicas que, segundo ele, estão mal cuidadas pelo município. Mostrou documento em que se comprova que o município paga R$ 1.449.000 para a empresa contratada para manter logradouros e praças públicas limpas. Isso corresponde a R$ 120.750,00 por mês. 
Os vereadores da situação justificaram que as chuvas constantes vêm atrapalhando os serviços de limpeza.

Este blog está recheado de artigos e fotos, desde 2009, em que eu falava de problemas parecidos. Cansei de escrever sobre isso. Mas hoje quero apresentar uma solução para os problemas vividos por todas as praças do município. Que tal terceirizar a obrigação de manutenção e limpeza das praças? 
Como apontou o vereador Anderson Teixeira, atualmente se paga um milhão e meio de reais para conservação e limpeza dos espaços públicos, e ele cobra do município maior fiscalização à empresa contratada. Será que só fiscalização resolverá o problema?
E por que não deixar de gastar parte desse dinheiro, ou, então, transferir a terceiros essas obrigações?

Como se costuma ver, o Estado não consegue o mesmo resultado obtido pelas empresas privadas e mesmo assim gasta mais que elas. Por que? Porque no setor privado há otimização de recursos, procurando-se produzir mais com menos dinheiro. No Estado não se pensa da mesma forma, porque não há essa necessidade, pois não há concorrentes a ele.
Quanto mais atribuições do Estado, mais dinheiro público é gasto. Atuando em todos os lugares, em todos os setores, o Estado não atua bem em quase nada.

Então, que tal terceirizar as praças? Por que não se tenta repassar as praças para as associações de bairros? Será que os moradores dos bairros não cuidariam melhor da praça e fiscalizariam com mais efetividade o dinheiro recebido para isso? 
Evidentemente que não seria imposta essa terceirização. Apenas as associações interessadas receberiam a incumbência e o dinheiro para tanto. E com certeza necessitariam de menos dinheiro para a realização do mesmo trabalho, pois não visam ao lucro.

Outra opção seria terceirizar através de processo licitatório. Vamos tomar como exemplo a Praça Henrique Lage, que tanto se reclama que é uma praça sem vida, porque pouco é utilizada pelos moradores. Será que não haveria algum interessado em implantar alguns quiosques e explorar a praça comercialmente? Em troca, seria responsável pela conservação, limpeza, embelezamento, além de gerar empregos, renda e tributos.

Não são soluções utópicas, nem ilegais. Basta querer fazer.

Em relação às ruas, também vejo solução, mas deixarei por uma outra oportunidade.

Nenhum comentário:

Seu comentário não será exibido imediatamente.

Para você enviar um comentário é necessário ter uma conta do Google.
Ex.: escreva seu comentário, escolha "Conta do Google" e clique em "postar comentário".

Caso você deseje saber se seu comentário foi respondido ou se outros leitores fizeram comentários no mesmo artigo, você poderá receber notificação por email. Para tanto, você deverá estar logado em sua conta e clicar em Inscrever-se por email, logo abaixo da caixa de comentários.

Eu me reservo ao direito de não aceitar ou de excluir parte de comentários que sejam ofensivos, discriminatórios ou cujos teores sejam suspeitos de não apresentar veracidade, ainda que o autor se identifique.

Comentários que não tenham qualquer relação com a postagem não serão publicados.

O comentarista não poderá deletar seu comentário publicado sem que haja justificativa relevante. Caso proceda assim, republicarei o teor deletado.


As regras para comentar neste blog poderão ser alteradas a critério do editor, o qual também poderá deletar qualquer comentário publicado, mediante justificativa relevante, sem prévio comunicado aos leitores/comentaristas.

Você assumirá a responsabilidade pelo teor de seu comentário.
Este espaço é livre e democrático, mas exerça sua liberdade com responsabilidade e bom senso!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Copyright © 2012 Pena Digital.