Eleição para prefeito: sempre os mesmos

candidatos a prefeito de Imbituba
Nesta semana, escrevi no meu perfil no Facebook que a briga pela cadeira de prefeito de Imbituba começará cedo e nos bastidores. Por quê? Comenta-se nos bastidores políticos locais que Beto Martins (PP) pretende voltar à prefeitura. E, para convencer a coligação partidária que sustenta o atual governo, teria a intenção de contratar pesquisa de opinião pública para saber quem teria melhor aprovação junto ao eleitorado imbitubense: ele ou Jaison (PSDB). Caso seu nome estivesse à frente, tentaria convencer o grupo político situacionista a demover Jaison da ideia de reeleição.

Entretanto, dizem os mais chegados ao prefeito Jaison que este já teria em mãos pesquisa que apontaria que ele está em empate técnico com seu ex-correligionário e apoiador de sua candidatura em 2012.

Bem, leitor, toda aquela história de que já fiz a minha parte, e até eu mesmo ouvi diretamente de Beto Martins que ele não tinha mais intenção de voltar à prefeitura não passou - parece - de mero discurso para esconder os lamentos de ter de sair dos fachos das luzes da ribalta.
Dizem que política é uma cachaça. E mais viciante quando se ocupa um cargo eletivo.

É fato que o atual prefeito sofre forte oposição de setores e grupos que apoiam a candidatura de Christiano Lopes de Oliveira (PSD). Problemas na administração são citados e recebem grande repercussão nas redes sociais e mídia. Seria natural essa oposição, entretanto, o eco dessa grita já atinge bom número de eleitores indecisos, como também aqueles que votaram em Jaison ou os que pretendem apoiar sua reeleição.

Analisando o cenário político atual, e observando que a imensa maioria de candidatos a vereadores com cacife eleitoral estão no lado situacionista, e se sabendo que são os candidatos a vereadores os principais cabos eleitorais de um candidato a prefeito, a disputa pela cadeira entre Beto e Jaison e a vociferação da oposição ainda não permite sequer a possibilidade de se imaginar uma vitória de Christiano Lopes. Ainda.
Abril haverá uma janela para que os políticos interessados em ser candidatos possam mudar de partido. E só nesse momento poderemos ver se mudará o cenário político atual.

Mas diante de tudo isso, leitor, trago um outro ponto de vista pessoal. Temos em todas as eleições um caminhão de candidatos a vereadores, mas os nomes para prefeito giram sempre ao redor das mesmas pessoas. Não há mais ninguém nesta cidade que possa ser candidato ou candidata a prefeito? Uma lista enorme de partidos políticos atuantes em Imbituba e apenas menos de meia dúzia conseguem parir um candidato à majoritária? Uma geração inteira de imbitubenses nasceu e cresceu conhecendo apenas quatro nomes de candidatos a prefeito!

Vejam que Christiano Lopes perdeu a eleição em 2012 e no dia seguinte já era candidato a 2016!!! Beto Martins teve dois mandatos e pretende retornar!!! Jaison está prefeito e quer ir à reeleição, ainda que tenha que travar um embate com seu próprio parceiro!?
Não soa como arrogância que as mesmas pessoas pretendam governar a cidade, como se só elas pudessem e tivessem a competência de administrar Imbituba?

De minha parte, porém, não serei arrogante. Apresento minha mea culpa para essa situação política. Entretanto, não posso permanecer em silêncio, aceitando a tudo, eternamente. Tenho que, pelo menos, trazer o tema à discussão.
E você, leitor, que tanto reclama dos políticos e dos partidos? Qual sua culpa nisso?

Contudo, leitor, se eles, mais uma vez, forem os únicos candidatos dentre um amontoado de partidos; se, de dentro dos partidos que sempre governaram, essas sejam as únicas alternativas postas para 2016, resta-me fazer minha escolha, ainda que haja descontentamento, esperando que em 2020 apareça alguém que surpreenda de forma positiva.

Ah!, só não me venham com candidato do PT para 2016! Nem candidato manifestamente populista!

2 comentários:

  1. Mas uma vez as mesmas figurinhas e nós vamos ter que mais uma vez apostar no menos pior, até quando? e isso vai acontecer em 2018 para as eleições presidenciais.

    ResponderExcluir
  2. "Ah, aí vem o mestre!
    "Eu tenho necessidade de ti!
    dos espíritos que eu chamei
    Senhor, livrai-me!"

    (Der Zauberlehrling/Goethe)

    Pois é, taí o PT, os espíritos que chamou :)

    ResponderExcluir

Seu comentário não será exibido imediatamente.

Para você enviar um comentário é necessário ter uma conta do Google.
Ex.: escreva seu comentário, escolha "Conta do Google" e clique em "postar comentário".

Caso você deseje saber se seu comentário foi respondido ou se outros leitores fizeram comentários no mesmo artigo, você poderá receber notificação por email. Para tanto, você deverá estar logado em sua conta e clicar em Inscrever-se por email, logo abaixo da caixa de comentários.

Eu me reservo ao direito de não aceitar ou de excluir parte de comentários que sejam ofensivos, discriminatórios ou cujos teores sejam suspeitos de não apresentar veracidade, ainda que o autor se identifique.

Comentários que não tenham qualquer relação com a postagem não serão publicados.

O comentarista não poderá deletar seu comentário publicado sem que haja justificativa relevante. Caso proceda assim, republicarei o teor deletado.


As regras para comentar neste blog poderão ser alteradas a critério do editor, o qual também poderá deletar qualquer comentário publicado, mediante justificativa relevante, sem prévio comunicado aos leitores/comentaristas.

Você assumirá a responsabilidade pelo teor de seu comentário.
Este espaço é livre e democrático, mas exerça sua liberdade com responsabilidade e bom senso!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Copyright © 2012 Pena Digital.